Alguns textos que, sob o estilo comédia Stand Up sarcástica, falam sobre pequenos fatos ou situações que passam despercebidas em nossas vidas e, muitas vezes, sequer questionamos o porquê das coisas serem assim.

18 de outubro de 2008

CRÍTICAS

Que tal falar sobre as críticas que não são construtivas?

14 comentários:

Paz... disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
LÉO... eu quase tive um trem de tanto rir desse teu vídeo.
Confesso que fiquei com um pouquinho de medo qdo vc começou a criticar quem comenta aqui no blog, pensei 'putz, só falta ele falar de mim'... mas enfim...

Posso fazer uma crítica? não precisava chamar o vigia de 'amigo' uhauhahuauhauhahu!

Mas então, eu critico sim, vc critica, todos nós criticamos, mas prefiro criticar mentalmente, entende? Tenho a opção de falar ou não determinadas coisas, se gostei ou não, mas dependendo prefiro guardar pra mim.

Ta sumido hein. Bjo!

Francine Esqueda disse...

Eu adoro vir aqui!!!!!!!!!!
Adoro seus vídeos!

Ps: sobre meu post... perguntou se era uma música? É sim... tema do filme Cidade dos Anjos!

Cristiane disse...

Três comentários:

- Oba, "apareci" no vídeo!

- Cuidade: gosto e críticas são duas coisas completamente diferentes.

- Vc se lembra da minha mãe? Olha o que ela falou: "o guardinha pode não pegar o bandido, mas aquele vai querer pegar o seu amigo".

Leo disse...

Me desculpa Cris se não me expressei direito. É que se eu explicasse toda minha opinião esse video ia ficar mais longo do que já está...
A questão é justamente se utilizar do gosto para criticar algo. As pessoas enxergam primeiro o que elas consideram defeito e muitas vezes ignoram as qualidades. Tudo isso por causa do gosto. E quando algo não agrada, as pessoas não levam em consideração o tempo que foi preciso, cada detalhe que foi pensado, todo o trabalho. É simplesmente lixo para elas.
Custa muito procurar o lado positivo das coisas que, num primeiro momento, não nos agradam?
É mais fácil criticar do que tentar entender os outros ou buscar suas qualidades. É isso que quero dizer.

Camila disse...

Ai meu dEus devera ter legenda hahaha
Injusto isso de ter vídeo seu bobo!!
hahaha

não tava acelerando não eu estava só com a perna levantada

Camila disse...

Drogaaaaa! Num abriu!
Vou quebrar esta carroça que chamo de computador e explodir meu provedor de net!!!
Affe!
Depois tu me conta?? @.@
Beijo e boa semana

Thiago disse...

Esse seu video ta muito bom!!! Concordo com que a mãe da Cristiane falou "o guardinha pode não pegar o bandido, mas aquele vai querer pegar o seu amigo".!!!rsrsr

Eu comentei na sua postagem sobre vigias de rua e pedi mais informaçoes pro guardinha nervoso!!rsrsr

Fui..

Cristiane disse...

Eu entendi, tatu!!1
kkkkkkkkkk


ps: como você não deixou o seu e-mail e/ou endereço do blog lá no comentário, tive que excluir para não ser injusta. Vc pode comentar novamente, please?
bj
Cris

Guizaum disse...

MALUUUUUCO!!!!

suei assistindo hein! achei que ia ouvir o meu nome!! huauah

momento critica on: eu achei legal o post passados sobre fotografia e tal, mas achei os seus textos mais interessantes e engraçados. Porém, cara do céu, caguei de da risada com esse, eu me senti lendo os seus textos huahuauha

Léo, falando em crítica, da uma olhada na pseudo crítica que eu vou postar no meu sobre como fazer um curta cult...me senti nos tempos que eu trabalhava em locadora que os caras ficavam debatendo comigo a profundidade das produções!

Normalmente eu atualizo o meu pra depois ir passando nos meus blogs de cabeceira, mas passei no seu antes e até resolvi postar! ahua

MEGA COMENT - Um abraço!

francine disse...

Oie!!! Vc precisa produzir mais, estamos esperando...
Foi ótimo rever vc!
Um super beijo e bom fds!

Francine Esqueda disse...

Oie!!! Vc precisa produzir mais, estamos esperando...
Foi ótimo rever vc!
Um super beijo e bom fds!

Thiago disse...

hahahaah muito bacana Léo! O ruim é pq algumas pessoas ainda não estão acostumadas com a não construtiva! hahahahaahha

Guizaum disse...

uma professora minha, de sociologia, psicologia, filosofia e antropologia me disse que não existem críticas construtivas nem destrutivas.

Uma crítica é comentário de estudo.

Doa a quem doer...

heheh

abraços Léo!

Luize disse...

aeee! mais um vídeo!
assim como a paz, eu fiquei com medo de ser citada
asHUIasHuihaSUIhaSUIhasuIhiusa

ai ai... adoro!
tava com saudades daqui!

:**